Vacinação contra gripe começa nesta segunda-feira (12) no Ceará

Os grupos foram distribuídos em três etapas, determinadas pelo Ministério da Saúde, que tem como meta vacinar 90% do público-alvo.

A vacina contra a gripe começou a ser aplicada nesta segunda-feira (12), em postos de saúde de todo o Ceará. Neste primeiro momento, até o dia 10 de maio, ocorre a primeira fase da campanha, cujo público-alvo são crianças, gestantes, puérperas, povos indígenas e trabalhadores da saúde. A vacinação de grupos prioritários, como um todo, ocorrerá até o dia 9 de julho.

De acordo com a Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa-CE), as prioridades representam 1.082.438 cearenses. O estado recebeu do Ministério da Saúde doses referentes a 29% (313.600) da meta da 1ª fase. As outras doses serão enviadas posteriormente. A meta da vacinação contra os vírus influenza é de 90% do público-alvo imunizado.

Lançamento da Campanha Nacional de Vacinação contra Gripe nesta segunda (12)

A imunização da gripe ocorre nos postos de saúde dos municípios e, em Fortaleza, também no Centro de Saúde Meireles, unidade da Secretaria que fica na Avenida Antônio Justa, 3113, no Bairro Meireles.

Grupos e fases

Os grupos prioritários foram distribuídos em três etapas, de forma escalonada, conforme o Plano Nacional de Imunização do Ministério da Saúde. Confira datas e públicos-alvos:

  • 12 de abril a 10 de maio: crianças a partir de seis meses a menores de seis anos, gestantes, puérperas (até 45 dias após o parto), povos indígenas (crianças de 6 meses a 18 anos) e trabalhadores da saúde.
  • 11 de maio a 8 de junho: idosos e professores
  • 9 de junho a 9 de julho: pessoas com comorbidades, com deficiência permanente, caminhoneiros, trabalhadores do transporte coletivo, trabalhadores portuários, forças de segurança e salvamento, forças armadas, funcionários do sistema de privação de liberdade, população privada de liberdade e adolescentes e jovens sob medidas socioeducativas.

Indígenas com idades acima de 18 anos serão vacinados somente após a primeira faixa etária definida (crianças de 6 meses a 18 anos).

Vacina da Covid ou da Gripe?

A campanha de vacinação contra a gripe coincide com a imunização contra a Covid-19. O Ministério da Saúde não recomenda a aplicação das duas vacinas simultaneamente, devido à falta de estudos sobre a coadministração dos imunizantes, e a orientação é priorizar a vacinação contra o novo coronavírus.

O governo federal recomenda que as pessoas que fazem parte do grupo prioritário tomem primeiro a vacina contra a Covid-19 e depois a vacina contra a gripe, respeitando um intervalo mínimo de 14 dias entre elas.

Importância da vacinação

O ministério diz que a imunização contra a gripe é extremamente importante para a proteção dos grupos mais vulneráveis às complicações e óbitos decorrentes da doença, por isso deve ser mantida apesar de todos os desafios frente à circulação do novo coronavírus.

Segundo a pasta, a imunização contra a gripe vai prevenir o surgimento de complicações decorrentes da doença, óbitos, internações e a sobrecarga nos serviços de saúde, além de reduzir os sintomas que podem ser confundidos com os da Covid-19. Fonte: G1 Ceará.

Deixe um comentário

%d blogueiros gostam disto: