Ao Vivo
Pular para o conteúdo
Papa, construir uma cultura do encontro é compromisso pessoal

Papa, construir uma cultura do encontro é compromisso pessoal

O Papa, recebe um grupo de estudantes da Capelania Católica.

“A fé cristã é essencialmente um encontro com Jesus Cristo”, ressalta o Papa, e “se realmente acreditamos em Jesus, devemos tentar nos comportar como Jesus: encontrar os outros, encontrar quem está ao nosso lado, compartilhar com eles a verdade salvífica do Evangelho”.

O Papa Francisco recebeu em audiência, nesta segunda-feira (25/04), um grupo de estudantes da Capelania Católica Queen’s University de Belfast, na Irlanda do Norte.

Os alunos se encontram em peregrinação a Roma e foram recebidos pelo Pontífice por ocasião dos cinquentas anos dessa instituição universitária.

Em seu discurso entregue aos participantes da audiência, Francisco os encoraja a “aprofundar a compreensão e apreciar a riqueza intelectual e espiritual da tradição católica, mas também, e com espírito realmente evangélico, a cultivar a cultura do encontro entre” eles “e na comunidade universitária”. “A fé cristã é essencialmente um encontro com Jesus Cristo”, ressalta o Papa, e “se realmente acreditamos em Jesus, devemos tentar nos comportar como Jesus: encontrar os outros, encontrar quem está ao nosso lado, compartilhar com eles a verdade salvífica do Evangelho”. “Como pessoas, e especialmente como cristãos, somos feitos de tal maneira que não podemos viver, crescer e nos realizar a não ser na busca da verdade e no dom sincero de nós mesmos aos outros”, frisa ainda o Papa.

“Construir uma cultura do encontro a serviço do Reino de Deus é um compromisso pessoal. Não é apenas uma questão de ver, mas de olhar; não é apenas uma questão de ouvir, mas de escutar; não é suficiente encontrar ou passar pelas pessoas, mas parar e se comprometer com elas nas coisas que realmente importam”, ressalta Francisco. “É também estimulante, porque partilhamos nossa viagem com os outros, nos apoiamos reciprocamente em nossa busca pela verdade e nos esforçamos para tecer uma rede de relações que possa fazer de nossa vida em conjunto «uma verdadeira experiência de fraternidade, uma caravana de solidariedade, uma peregrinação santa».”

Francisco conclui, pedindo aos estudantes católicos irlandeses para que cada um, “à sua maneira, promova a cultura do encontro no ambiente universitário e contribua a manter vivas as nobres tradições irlandesas de hospitalidade, reconciliação, fidelidade ao Evangelho e perseverança na busca da santidade”. Fonte: Vatican News.

Deixe um comentário

%d blogueiros gostam disto: