Ao Vivo
Pular para o conteúdo
Icó e mais duas cidades ganham base do SAMU

Icó e mais duas cidades ganham base do SAMU

Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU).

Mais três cidades cearenses ganharam novas bases do (SAMU 192 Ceará), Icó, Lavras da Mangabeira e Aiuaba.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), teve seus serviços iniciados oficialmente em Icó, na noite do último dia 19 de fevereiro.

A unidade avançada de atendimento conta com duas ambulâncias; sendo uma com condutor-socorrista, um enfermeiro e um médico e outra de suporte básico com condutor-socorrista e um técnico de Enfermagem.

Durante a solenidade de inaugração, foi apresentada a equipe de profissionais que integrarão a base do SAMU em Icó, os chamados “anjos azuis”. A base do SAMU de Icó está instalada ,localizada rua São José numero 1245.

Também foram contemplados as cidades de Lavras da Mangabeira que teve sua base inaugurada no mesmo dia 19 de fevereiro e a cidade de Aiuaba com inaguração ontem (20).

“Hoje nós estamos inaugurando a quarta e a quinta bases do Samu em 2020. Com a inauguração de Icó, nós estamos entregando 70 bases. Basta ligar para o telefone 192, que a partir daí, toda a estrutura estará à disposição. A gente espera que até o final de março nós tenhamos 199 ambulâncias, dois helicópteros e duas motos para o povo do Ceará”, disse coronel Vasconcelos.

Centro Sul e Cariri do Ceará concentram as maiores chuvas de quinta para sexta-feira (21)

“A partir de dezembro, vamos atender 100% dos municípios cearenses com atendimento do SAMU 24 horas. É muito importante para a vida das pessoas. Pois quando acontece um acidente na rodovia, quando uma pessoa passa mal em casa, é um serviço que está lá 24 horas.”, destacou Camilo Santana.

Para ampliação e expansão da cobertura de atendimento do SAMU 192 Ceará, há profissionais de saúde fazendo capacitação nos municípios que serão contemplados. Concluído o treinamento, eles estarão aptos para conduzirem as ambulâncias.

O que é o SAMU 192?

Serviço de Atendimento Móvel de Urgência – SAMU 192 é geridos pelas Secretarias Municipais de Saúde e tem como objetivo chegar precocemente à vítima após ter ocorrido alguma situação de urgência ou emergência de natureza clínica, cirúrgica, traumática, obstétrica, pediátrica, psiquiátrica, entre outras, que possa levar a sofrimento, a sequelas ou mesmo a morte. Trata-se de um serviço pré-hospitalar, que visa conectar as vítimas aos recursos que elas necessitam e com a maior brevidade possível.

O SAMU 192 é um serviço gratuito, que funciona 24 horas, por meio da prestação de orientações e do envio de veículos tripulados por equipe capacitada, acessado pelo número “192” e acionado por uma Central de Regulação das Urgências. O SAMU realiza os atendimentos em qualquer lugar: residências, locais de trabalho e vias públicas, e conta com equipes que reúne médicos, enfermeiros, auxiliares de enfermagem e condutores socorristas.

Como funciona o SAMU 192?

O atendimento começa a partir do chamado telefônico, quando são prestadas orientações sobre as primeiras ações. O serviço pode ser acessado gratuitamente pelo número 192, a partir de qualquer telefone, fixo ou móvel. A ligação é atendida por técnicos, que identificam a emergência e coletam as primeiras informações sobre as vítimas e sua localização. Em seguida, as chamadas são remetidas ao Médico Regulador, que presta orientações às vítimas e aciona as ambulâncias quando necessário.

O SAMU 192 é um serviço territorializado e móvel. As ambulância são distribuídas estrategicamente, de modo a otimizar o tempo-resposta entre os chamados da população e o encaminhamento aos serviços hospitalares de referência. A prioridade é possibilitar a cada vítima um atendimento no menor tempo possível, inclusive com o envio de médicos conforme a gravidade do caso. As unidades móveis podem ser ambulâncias, motolâncias, ambulanchas ou aeromédicos, conforme a disponibilidade e necessidade de cada situação, sempre no intuito de garantir a maior abrangência possível.

Quando chamar o SAMU 192?

  • Na ocorrência de problemas cardio-respiratórios;
  • Em casos de Intoxicação exógena;
  • Em caso de queimaduras graves;
  • Na ocorrência de maus tratos;
  • Em trabalhos de parto onde haja risco de morte da mãe ou do feto;
  • Em casos de tentativas de suicídio;
  • Em crises hipertensivas;
  • Quando houver acidentes/traumas com vítimas;
  • Em casos de afogamentos;
  • Em casos de choque elétrico;
  • Em acidentes com produtos perigosos.

Medidas em caso de acidente:

Algumas medidas úteis que contribuem para o atendimento:

  • Verifique a quantidade de vítimas, o estado de consciência delas e se alguma delas está presa às ferragens;
  • Ligue para o 192 e siga as orientações do Médico Regulador;
  • Sinalize as vias com galhos de árvore e triângulo de sinalização;
  • Em caso de acidente com motos: não toque nas vítimas, não retire o capacete;
  • Não dê água aos acidentados.

Fonte: Ministério da Saúde. Ico News, por Gustavo Veras

Deixe um comentário

%d blogueiros gostam disto: